Sustentabilidade

Bem-estar animal

A Alegra acredita que o bem-estar animal é um fator de grande importância para o desenvolvimento sustentável no planeta. Por isso, investe de forma constante em melhorias de processos e de qualidade, respeitando os princípios éticos de produção e relação com os animais. A promoção dos conceitos e aplicação das normas de bem-estar animal está entre os princípios que regem todos os processos da empresa. As práticas empregadas, que estão de acordo com a legislação brasileira vigente, e buscam preservar as cinco liberdades fundamentais dos animais: livre de fome e sede, livre de desconforto, livre de injúrias e doenças, livre para expressar seu comportamento animal e livre de medo e estresse.

Criação:

Trabalhamos com três fornecedores de genética que são referências no mercado garantindo. Nossos animais são resultado de cruzamentos industriais que envolvem as raças Landrace e Large White. Através do melhoramento genético, as Unidades Produtoras de Leitões das cooperativas Unium buscam ter os melhores reprodutores do mercado, visando fornecer os melhores genes para atender um mercado cada vez mais exigente. A inseminação das matrizes suínas é toda realizada de forma artificial, sendo que aproximadamente 70% é inseminação pós-cervical e 30% cervical.

Todos os animais são alojados no sistema de confinamento em barracões, e contamos com três sistemas de produção diferentes: 68% de Unidades Produtoras de Leitões (UPLs) e Terminações, 25% de granjas de ciclo completo e 7% de granjas de terminação em fluxo contínuo. Não possuímos granjas em que os animais são criados ao ar livre ou em semiconfinamento. Todos os locais estão devidamente adequados as recomendações de manejo e bem-estar animal.

Outra grande preocupação da Alegra diz respeito à redução do uso de antibióticos em todas as fases de criação dos suínos. Contamos com uma equipe de médicos veterinários sanitaristas que garantem o manejo adequado com foco na prevenção de enfermidades e manutenção da saúde dos animais. Atualmente não utilizamos antibióticos como promotores de crescimento e não fazemos uso de nenhum tipo de hormônio, conforme exigido na legislação brasileira.

Transporte​:

As granjas fornecedoras de suíno estão localizadas principalmente na região dos Campos Gerais e algumas em cidades de outras regiões do Paraná, além de uma no estado de São Paulo. Com propriedades relativamente próximas ao frigorífico, há um menor tempo de viagem para os animais.

Esse deslocamento também deve seguir uma série de requisitos. A condição da carroceria, a lotação e a condução do veículo são controladas para que os animais tenham o máximo de conforto durante o trajeto. A programação de embarque é projetada para minimizar o tempo dos animais no transporte e propiciar um fluxo contínuo de desembarque no frigorífico.

O carregamento é realizado por equipe especializada e treinada em manejo humanitário garantindo um padrão alto de bem-estar animal durante o processo de embarque dos animais.

Abate​:

A Alegra possui capacidade de abate de 3500 animais por dia e em 2021 processou 854.475 animais com o uso de alta tecnologia.

A insensibilização realizada na planta obedece a um processo em que os animais inalam o CO2, gás que os faz perder a consciência e a sensibilidade, possibilitando um abate seguro, sem dor ou sofrimento. Este sistema preserva o comportamento de grupo e automatiza parte do manejo, diminuindo a interação entre humanos e animais. Com isso, há melhoras significativas em relação à qualidade da carne em comparação com a insensibilização elétrica comumente utilizada em outros estabelecimentos.

Auditorias​:

Anualmente a Alegra recebe ainda auditorias para revalidação das certificações que possui e por auditorias terceiras por parte de clientes.

O programa de bem-estar Alegra segue as Diretrizes Recomendadas de Manejo de Animais e Guia de Auditoria do American Meat Institute desde 2017. Também utiliza como referência o programa STEPS (programa idealizado para tornar efetivo o Termo de Cooperação Técnica, celebrado em 2007, entre World Animal Protection, e Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)).

Controle de Qualidade​:

A empresa possui o Programa de Autocontrole de Bem-estar Animal que determina todas as diretrizes a serem seguidas desde o embarque na propriedade até o abate dos animais. Com acompanhamento diário através de funcionários capacitados do time Garantia da Qualidade e de veterinários dedicados ao bem-estar animal, o programa garante a aplicação das normas, a correção das não conformidades, treinamento de colaboradores, realização de auditorias e a promoção da melhoria contínua de todas as etapas do processo em benefício das pessoas e dos animais.

As não conformidades identificadas durante a execução das atividades são registradas em planilhas de controle. Os planos de ações são elaborados e registrados juntamente com os responsáveis da área e/ou do processo de origem do desvio, sendo envolvidas as áreas competentes.

Para auxiliar no controle da sanidade dos animais, contamos com um veterinário sanitarista que realiza monitorias sanitárias no abate, uma maneira sistemática e organizada de acompanhar a saúde de um rebanho.

Compromisso​:

Nosso compromisso é com o bem-estar animal.

A Unium, por meio da marca Alegra, acredita que o bem-estar animal é de suma importância para o desenvolvimento sustentável no planeta. Por isso, investe de forma constante em melhorias de processos e na qualidade de seus produtos, respeitando os princípios éticos de produção e relação com os animais.

Desde sua concepção, a Alegra fomenta a gestação coletiva das matrizes suínas, processo que permite que as fêmeas mantenham suas atividades rotineiras durante as prenhezes, o que proporciona diversos benefícios, como a diminuição do estresse e melhora da musculatura do animal.

Em 2019 alojou mais 6.500 matrizes, totalizando 13 mil matrizes e se compromete a chegar nos próximos 10 anos com todas as granjas adequadas exclusivamente a este sistema. Atualmente 38% as matrizes já se encontram alojadas neste sistema.

Para reforçar esse compromisso a Alegra assumiu junto à ONG Observatório Animal /ALIANIMA o compromisso de fazer a transição em 100% da sua produção para gestação coletiva até 2029. A iniciativa da Alianima (organização que atua na agenda da proteção animal e ambiental no Brasil) prevê a utilização do sistema de alojamento em grupo, prática utilizada e reconhecida pelos mercados mais exigentes do mundo.

Esse compromisso, fechado em 2019 corrobora com o posicionamento de valorização do bem-estar animal, que contempla o abate humanitário, projetos de transporte seguro, entre outras iniciativas!
Também estamos comprometidos em realizar melhorias em nossas práticas atualmente estamos migrando a castração para o tipo imunocastração (vacina) que permite que o animal tenha um bom desempenho e não tenha qualquer tipo de dor ou sofrimento, o que oferece melhor qualidade da carne. Em 2021, cerca de 70% da produção abandonou a prática de castração cirúrgica sem anestesia em troca da castração imunológica.

E em 2021, cerca de 75% da produção não adotou o procedimento identificação através de cortes na orelha (mossa), prática prejudicial ao bem-estar.

Certificação​:

Alegra foi a primeira marca brasileira de carne suína a conquistar a certificação North American Meat Institute (NAMI) em bem-estar animal para suínos concedida pela World Quality Services (WQS). A certificação é valida para o transporte e abate.

A WQS atua no Brasil há mais de 20 anos no setor de certificação de segurança alimentar. Através de auditores reconhecidos pela Professional Animal Auditor Certification Organization (PAACO) – entidade americana com expertise em melhores práticas na indústria de carnes – realiza análises e protocolos para propriedades rurais, indústria e varejo, assegurando a garantia de produtividade e o processo de produção dentro das mais rigorosas normas.

A Alegra também já foi apontada como modelo de desenvolvimento sustentável na Bússola da Sustentabilidade, um estudo realizado pela Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Sistema Fiep), que destaca as ações socioambientais realizadas por empresas paranaenses. A marca foi destaque em relação às práticas de gestão social, ambiental, econômica, territorial e cultural, no estado.

SAC Alegra

Horário de Atendimento do SAC:
Segunda a Sexta – 7h40 às 17h

ONDE ESTAMOS

Rodovia PR 151, KM 278 – Castro/PR
CEP: 84.194-300 – Caixa Postal: 353

CONECTE-SE

Desenvolvido por Kavicki.com