03 de July de 2020 Dia do Cooperativismo: a dedicação do campo para sua mesa!

Dia do Cooperativismo: a dedicação do campo para sua mesa!

Todo primeiro sábado de julho é um dia que nos enche de orgulho. É uma data dedicada para celebrar a união e o trabalho de muitas famílias que têm a proposta de satisfazer as necessidades coletivas da nossa sociedade. É o Dia Internacional do Cooperativismo.   

Nós, a Alegra, a Unium, somos resultado dessa união, de três grandes cooperativas: a Frísia, a Castrolanda e a Capal. É a realização de um sonho, de levar os melhores produtos de origem suína para a mesa dos brasileiros.   

Somos um grupo de 5 mil cooperados. Um time de pessoas que acredita, de paixão, no trabalho diário e conjunto para gerar o crescimento sustentável do agronegócio local e global. E toda a nossa dedicação, esforço e vontade de inovação, nos leva longe, chegando em mais de 25 países.

Cooperativismo traz garantias para o produtor durante a pandemia  

O suinocultor Wilant van den Boogaard é um dos nossos cooperados e tem orgulho de fazer parte desse modelo de trabalho que está espalhado nos mais variados setores da economia. “Eu defendo o modelo sempre, pois nele temos uma divisão de valores e tentamos sempre equalizar, para que todos tenham o mesmo rendimento”, conta Wilant. 

Para o produtor, é nos momentos de crise que o sistema reforça a sua importância. “A crise afetou a economia e isso refletiu na cooperativa, mas a nossa produção continua, mesmo com a situação comercial do país. Nós não temos uma perspectiva de redução, e isso é uma vantagem do modelo, que nos dá essa garantia independente do que acontece no mercado”, explica o produtor.   

De acordo com o Censo Agropecuário, conduzido pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), 48% de tudo o que é produzido no campo brasileiro passa, de alguma forma, por uma das 1.618 cooperativas em atividade no país. 

Essas cooperativas têm uma participação fundamental na economia brasileira. De acordo com os dados da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), elas reúnem mais de um milhão de associados e geram cerca de 198 mil empregos.

É mais do que um modelo de negócio, o cooperativismo é uma filosofia de vida, que busca transformar o mundo em um lugar mais justo e com melhores oportunidades para todos. Para quem vive no campo e para quem consome os produtos de alta qualidade de quem produz no campo.

Fonte: G1

Comentários

Você também vai gostar das publicações abaixo: