14 de September de 2020 #CozinhaEmCasa: 6 tipos de cortes de legumes e verduras

#CozinhaEmCasa: 6 tipos de cortes de legumes e verduras

Escolher os utensílios certos, manter a bancada organizada, provar a comida e, claro, cozinhar com amor, são truques que os chefs de cozinha sempre ensinam pra gente. Mas, tem um ponto muito importante que pode fazer toda a diferença no preparo de uma receita: conhecer as técnicas culinárias. 

Na nossa série #CozinhaEmCasa, vimos algumas dicas básicas de culinária e como dominar as panelas com truques de cozimento. Hoje, vamos aprender 6 tipos de cortes de legumes e verduras que vão dar aquele toque de chef para suas receitas, além de um novo visual na apresentação dos pratos. Confira:

1 – Allumette

O Allumette, também conhecido como Julienne contemporâneo, é um corte delicado do tipo cubo-retangular, muito usado para fazer a famosa batata-palha. Ele possui tiras bem finas, com dimensões aproximadas de 3mm x 3mm x 2cm de comprimento, com a espessura de um palito de fósforo, por exemplo. Além da batata, pode ser utilizado para cenoura, chuchu e pepino. 

2 – Batton

Também conhecido como corte em palitos ou bastões, o Batton é utilizado para a deliciosa batata frita. Possui as seguintes dimensões: 1,5cm x 1,5cm x 7cm de comprimento. Também pode ser aproveitado para preparar abóbora, inhame, palmito e alimentos com dimensões maiores. 

3 – Battonet

O corte Battonet é uma variação do Batton, só que com bastões mais finos. Ideal para o preparo de legumes e verduras com texturas mais resistentes, como batata, cenoura e mandioca. Sua espessura tem cerca de  6mm x 7cm de comprimento. É bastante utilizado no preparo de sopas e guarnições de carnes suínas. 

4 – Chiffonade 


Foto: Butter & Queen

Sabe aquela deliciosa couve refogada que acompanha uma boa feijoada? Ela leva o corte Chiffonade, um clássico da cozinha! Especialmente usado em verduras, como couve, repolho ou espinafre, o corte traz a técnica de tirinhas bem finas para o preparo dos pratos. 

5 – Mirepoix

O Mirepoix é um corte em formato de cubos bem pequenos, com 8mm x 8mm de cada lado. É conhecido como corte principal de cebola, pimentão e tomate, formando aquele molho vinagrete delicioso para um churrasco completo

6 – Rondelle

Outro clássico da culinária é o Rondelle, como o próprio nome diz, consiste em cortar os alimentos em rodelas. A vantagem aqui é que o corte não precisa seguir um padrão específico, sendo fácil e prático para quem deseja uma receita simples ou também mais elaborada como uma torre de legumes com sobrepaleta. Muito usado em cortes de cenoura, abobrinha, pepino, rabanete, entre outros.

Esses cortes de legumes e verduras trarão um novo visual para as suas receitas. Mas antes de se aventurar, é importante seguir algumas indicações que vão garantir a harmonia dos cortes e a segurança no preparo. Olha só:

– Ao escolher a faca, opte por uma de qualidade garantida e que esteja bem afiada.
– Se  não tiver um descascador ou mandolin, escolha uma faca pequena e estreita, porque são ótimas para descascar e realizar cortes menores e delicados.
– Use uma tábua somente para cortar os vegetais, nunca a mesma para cortar carnes. Higienização é super importante, ok?
– Se a sua tábua não estiver firme para o corte, coloque uma toalha umedecida abaixo dela para não escorregar.

Pronto! Agora que você conferiu novos cortes de alimentos e mais algumas dicas extras de segurança para o preparo, é hora de ir para cozinha e testar o que você aprendeu. 🙂

E você, conhece algum outro corte? Compartilhe aqui nos comentários!

Depois, siga o nosso Instagram e Facebook para acompanhar mais dicas de como cozinhar como um chef e descobrir receitas deliciosas com carne suína.

Fontes: Panelaterapia, Casa e Jardim, SENAC e KitchenAd

Comentários

Você também vai gostar das publicações abaixo: